Contra o ódio, somente o amor

O antídoto contra o ódio é o amor, e o amor deve ser aplicado na educação, propiciando o desenvolvimento de pessoas de bom caráter, de paz, de fraternidade, solidárias, e isso deve ser feito tanto na família quanto na escola. 

Infelizmente vemos muita preocupação com segurança pública, com fatores econômicos e tantas outras coisas, e pouca preocupação com a educação, que vive confundida com instrução, com acúmulo de conhecimentos, sem a devida formação do caráter dos indivíduos. É então que assistimos contristados o ódio protagonizar cenas dantescas de ataques terroristas, de crimes os mais diversos, onde a vida humana perde seu significado e seu valor. 

Se tivessemos optado pela educação com amor, pela educação formadora do caráter, pela educação humanizada, pela educação que desenvolve virtudes, se tivessemos feito essa opção tempos atrás, provavelmente o fanatismo religioso, o radicalismo das ideias, a agressividade gratuita não fariam mais parte do cenário social da humanidade. 

Disse-nos o Mestre Jesus que devemos amar o próximo como nos amamos, e Ele não condicionou esse amor a nenhum fator que não fosse o próprio amor, pois é nesse sublime sentimento que devemos encontrar a concordância, o respeito, exercendo o diálogo construtivo, o que nos levará, com o tempo, a combater com eficácia o egoísmo, o orgulho, a indiferença, a prepotência, a hipocrisia e outros vícios morais que ainda nos desonram. 

Eduquemos com amor as novas gerações, para que elas substituam o fanatismo e o ódio, de toda ordem, pelo entendimento e pela paz. 

Que nossas orações envolvam todas as vítimas da violência, e que nossa solidariedade ampare todos os que ficaram com a alma dilacerada pela dor.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O que é educação moral

O Que é Educação de Qualidade?

Escola Humanizada